terça-feira, 25 de abril de 2017

Comer de forma saudável? E as gorduras?


AFINAL COMER DE FORMA SAUDÁVEL NÃO É COMO DIZEM!! - 
7 Razões para comer mais Gordura Saturada
Os dois médicos observam que não importa as nuances das histórias dos habitantes do quartel anti-gordura, um aspecto de seus conselhos permanece fielmente constante: “Você devia limitar drasticamente o seu consumo de gorduras saturadas.” Mas as gorduras saturadas realmente aumentam o seu risco de doença cardíaca e ou de elevar seu colesterol? Uma única palavra: não! De fato, os seres humanos precisam delas, e aqui estão apenas algumas razões que justificam isso:
1) Melhora dos fatores de risco cardiovasculares:
A gordura saturada desempenha um papel chave na saúde cardiovascular. A adição de gordura saturada na dieta reduz os níveis de uma substância chamou lipoproteína (A) que tem forte correlação com o risco para doença cardíaca. Pesquisas mostram que quando mulheres entram em dieta, aquelas que se alimentam comendo um maior porcentual de gordura total em suas dietas como gorduras saturadas perdem mais peso.
2) Ossos mais fortes :
A gordura saturada é exigida para o cálcio ser eficazmente incorporado ao osso. De acordo com uma das mais importantes experts em pesquisas em gorduras dietéticas e saúde de humanos, a Drª. Mary Enig, Ph.D., essa seria a razão para que algo em torno de 50 por cento das gorduras alimentares serem na forma de gordura saturadas.
3) Saúde de fígado melhora:
A gordura saturada foi demonstrada proteger o fígado do álcool e dos medicamentos, inclusive do acetaminofen (tylenol®) e outras drogas comumente usado para dor e artrite.
4) Pulmões saudáveis:
Para função adequada, os espaços aéreos dos pulmões têm que ser cobertos com uma camada fina de surfactante pulmonar. O conteúdo gordo de surfactante do pulmão é 100 por cento ácidos graxos saturados. A substituição destas gorduras críticas por outros tipos de gorduras torna o surfactante defeituoso e potencialmente causado de dificuldades respiratórias.
5) Cérebro saudável:
Seu cérebro é principalmente feito de gordura e colesterol. A maior parte dos ácidos graxos no cérebro são realmente saturados. Uma dieta que restringe gorduras saturadas saudáveis rouba o seu cérebro das matérias-primas que precisa para funcionar de forma ótima.
6) Sinalização de nervo adequada:
Algumas gorduras saturadas, particularmente aquelas encontradas na manteiga, banha, gordura de coco, e gordura de palma, funcionam diretamente como mensageiras de sinalização que influenciam o metabolismo, incluindo algumas tarefas críticas como a liberação apropriada da insulina.
7) Sistema imunológico forte:
As gorduras saturadas achadas na manteiga e gordura de coco (ácido mirístico e ácido e láurico) desempenham papéis chave na saúde imunológica. A deficiência de ácidos graxos saturados nas células brancas do sangue diminui sua habilidade de reconhecer e destruir invasores externos, como vírus, bactérias, e fungos.
Trecho exclusivo do mais novo livro dos médicos Michael e Mary Eades,
“The 6-Week Cure for the Middle-Aged Middle”  (A cura em 6 semanas para o meio da meia-idade),

sexta-feira, 17 de fevereiro de 2017

Teste para condutor da "Besta" !!!

Este é um dos testes de condução para os candidatos a condutor do carro do Presidente dos Estados Unidos da América.

video

O actual veículo presidencial norte-americano foi fabricado pela General Motors e entrou ao serviço no dia 20 de janeiro de 2009. A aparência do veículo é associada ao Cadillac DTS - o chassi foi inspirado no Chevrolet Kodiak.

Totalmente equipado com acessórios de segurança elaborados pelos Serviços Secretos, que incluem: pneus run-flat (fabricados com um material que combina uma borracha especial e kevlar), que podem rodar vazios ou sem pneus, - rodas com bordas de aço, blindagem, vidros balísticos e sistema de iluminação fluorescente - é à prova de bala e de bombas, reforçado com aço, titânio, alumínio e materiais de cerâmica . Pode acomodar até 7 pessoas, sem contar com o motorista. Uma placa de vidro separa o motorista dos passageiros.


O tanque de combustível, também blindado, possui uma espuma especial para impedir que haja qualquer incêndio mesmo se for atingido, enquanto a cabine de passageiros é selada para impedir um eventual ataque químico.

É equipado com um motor V8 6.5 diesel e transmissão do GMC Topkick e tem um consumo de cerca de 30 litros/100 km.

É também equipado com canhões de gás lacrimogénio e câmaras de visão nocturna embutidas na dianteira, tanques de oxigénio para situações de emergência, bolsas de sangue compatível com o tipo do presidente, extintores de incêndio automáticos e uma arma calibre 12 dentro da cabine como última instância, para quando a situação ficar fora de controle.

Para manter contacto com o resto do mundo, há acesso à internet, telefone por satélite de última geração e uma linha de comunicação directa com o vice-presidente e o Pentágono.

Pesa quase 10 toneladas. e dos 0 a 100 km/h pode levar 15s e tem uma velocidade máxima próxima dos 100 km/h.




sexta-feira, 23 de dezembro de 2016

Viagens de avião. O que exigir quando algo falha?

O que pode (e deve) reclamar quando algo falha?


O que fazer em caso de atraso, cancelamento e perda de malas ou caso não tenha lugar no voo?
Overbooking
Caso não tenha lugar no voo por “overbooking” (a prática de vender um serviço em quantidade maior do que a capacidade que a empresa pode fornecer), pode optar entre ser reembolsado e regressar ao local de partida ou ser encaminhado para o destino. Terá ainda direito a uma indemnização entre 250 e 600 euros, consoante as características do voo. Enquanto estiver à espera, a companhia é obrigada a fornecer gratuitamente bebidas, refeições, e alojamento, se necessário, e possibilitar o contacto com familiares ou outras pessoas.
Cancelamento do voo
Em caso de cancelamento do voo, o passageiro tem direito a uma indemnização idêntica àquela que é oferecida quando lhe é recusado o embarque. Só não será assim se for informado do cancelamento pelo menos 14 dias antes do voo, reencaminhado para um horário próximo do previsto ou se a companhia aérea conseguir provar que o cancelamento foi causado por circunstâncias extraordinárias.
Atraso do voo
O consumidor pode ter direito a uma indemnização entre 250 e 600 euros, dependendo da distância do voo e da duração dos atrasos antes de ser reencaminhado. Se os passageiros optarem pelo reencaminhamento, a companhia aérea também tem de proporcionar assistência: refeições, acesso a um telefone, estadia de uma ou mais noites, se necessário, e transporte entre o aeroporto e o local do alojamento.
Perda de bagagem
Quando a bagagem é perdida, danificada ou chega com atraso, o passageiro tem direito a uma indemnização até 1.223 euros. Pela bagagem danificada, tem de apresentar uma queixa à companhia aérea, no prazo de sete dias após receber a bagagem. Pela recepção atrasada da bagagem, deve reclamar um prazo máximo de 21 dias a contar da entrega da bagagem. Guarde cópias da queixa.
Quando a companhia não é responsável
Nem sempre as companhias aéreas são responsáveis pelos atrasos ou cancelamentos dos voos. Uma das razões da exclusão de responsabilidade é precisamente a existência de “circunstâncias extraordinárias”. Os exemplos típicos adiantados para essas circunstâncias são situações de mau tempo, agitação política e greve. Nestes casos, terá poucas probabilidades de êxito em reclamar, sem prejuízo do direito ao reembolso do valor da reserva.

segunda-feira, 31 de outubro de 2016

Jorge Palma - Deixa-me rir - Cover

Vanessa Ferreira e João Loureiro (Duo JV2)
 Cover - Deixa-me rir - Jorge Palma
Excelente !!!



segunda-feira, 21 de março de 2016

Benefícios do whisky

Benefícios do whisky para a saúde
O uísque (whisky na Escócia e whiskey na Irlanda e EUA) é uma das bebidas alcoólicas mais populares do mundo, graças ao seu sabor diferente e ao facto de ser a bebida que menos provoca ressaca. Acrescente-se o facto de possuir várias propriedades medicinais, e está explicada a história do seu sucesso.

Por favor lembre-se que o uísque é uma bebida alcoólica. O seu consumo deve ser responsável e moderado.


Os primeiros registos da destilação de whisky datam do século 15, quando escoceses e irlandeses iniciaram o processo de fermentação de grãos (principalmente de cevada com malte) e a destilar o resultado, chamando ao produto  “Acqua Vitae” (água da vida), a fim de ser utilizado como medicamento.

Durante a Revolução Americana, a bebida foi usada como moeda. Durante a Lei Seca nos EUA (1920-1933), apenas duas bebidas alcoólicas tinham permissão para consumo: vinho, por questões religiosas, e uísque, mediante prescrição médica.

Os benefícios

1. Estimula a memória: O uísque contém antioxidantes que ajudam a melhorar a saúde do cérebro. Adicionalmente, o etanol contido no álcool estimula a circulação sanguínea, o que também contribui para a o bom funcionamento da memória;
2. Alivia o stress: Bebido com moderação, o uísque pode reduzir o stress e acalmar os nervos. A combinação entre reduzir a actividade cerebral e aumentar a circulação, que fornece ao cérebro sangue oxigenado, é essencial para uma pessoa se acalmar;
3. Combate o aumento de peso: Comparado com os seus similares, o uísque é uma bebida alcoólica de baixas calorias, sem gordura nem colesterol. Se está de dieta mas quer saborear uma bebida, esta é a sua melhor opção.
4. Reduz o risco de AVC: O uísque impede a acumulação de colesterol no sistema cardiovascular e pode auxiliar a remover o excesso de colesterol no organismo. Também relaxa as paredes das artérias, reduzindo o risco de obstrução. Tudo isto contribui para reduzir os riscos de AVC consideravelmente.
5. Reduz o risco de cancro: O uísque possui um antioxidante (“ácido elágico”), uma substância que impede o DNA de entrar em contacto com substâncias cancerígenas.
6. Auxilia a digestão: Durante séculos o uísque foi considerado um auxiliar da digestão e consumido após as refeições pesadas. A composição do uísque e sua alta percentagem de álcool fazem com que seja também um inibidor do apetite.
7. Prolonga a vida: Os antioxidantes no uísque ajudam a lutar contra os radicais livres - a causa número um do envelhecimento, além de prevenirem várias doenças. 
8. Melhora a saúde do coração: Beber uísque pode, de facto, ajudar o coração a manter-se saudável, pois tem efeito similar ao do vinho tinto. Reduz o risco de formação de coágulos, prevenindo os ataques cardíacos. Os antioxidantes do uísque também inibem a oxidação de lipoproteína de baixa densidade, um factor importante nas doenças cardíacas.
9. Melhora a saúde do cérebro: Uma pesquisa conduzida em 2003 demonstrou que, graças às qualidades antioxidantes do ácido elágico, o consumo moderado de uísque reduz o risco de Alzheimer e demência, para além de melhorar as funções cognitivas
10. Previne e trata gripes e constipações: O uísque é conhecido pelos seus efeitos benéficos em relação a alergias e constipações. É um eficaz xarope para para a tosse provocada por “comichão na garganta”. O álcool ajuda a eliminar bactérias na garganta. Os melhores resultados serão obtidos adicionando-se um pouco de uísque a uma chávena com água quente e sumo de limão.


sexta-feira, 13 de novembro de 2015

FEIRA DA LADRA - LISBOA

Para quem ainda não sabe, o nome da Feira da Ladra em Lisboa não tem nada a ver com ladras ou ladrões, mas sim com a língua árabe. 
De facto a Feira da Ladra remonta ao século XIII (ou mesmo antes), quando a língua árabe era ainda familiar em Lisboa, apesar das barbaridades cometidas pelos cruzados, que a conquistaram aos Mouros. A conquista "cristã" de Lisboa em 1147 foi um desastre para a cidade. Diz-se que o nosso primeiro rei, impotente perante o assalto assassino à população de Lisboa, que vivia civilizada e em comunidade com os cristão arabizados, sofreu por ver que os seus aliados do Norte da Europa, não distinguiam as pessoas, e para eles todos eram infiéis e inimigos, que se deviam matar desapiedadamente. Afonso Henriques queria, sim, a cidade, mas não queria um genocídio. Enfim, entre mortos e feridos, alguns escaparam e a feira passou a ter o seu nome: Feira da Ladra, que realmente quer dizer Feira da Virgem (a Mãe de Jesus), pois "A Virgem" em árabe diz-se "al-aadraa" (العذراء).
Esta palavra, ouve-se repetidamente na "Nursat", o canal televisivo dos Maronitas (Católicos) do Líbano.
A Feira da Ladra teve início no Chão da Feira, ao Castelo, provavelmente em 1272, tendo mais tarde passado para o Rossio. É no ano de 1552 que surge uma primeira notícia da realização da Feira no Rossio, na Estatística Manuscrita de Lisboa. Em 1610 aparece a designação Feira da Ladra numa postura oficial.
A partir de 1823 passa do Rossio para o passeio público junto à Praça da Alegria. Em 1835 instala-se no Campo de Sant'Ana e, por fim, em 1882, instala-se no Campo de Santa Clara, onde ainda permanece.